18 de março de 2022

O que é um link dofollow e um link nofollow?

Por Thesis

Ser linkado por outra empresa pode trazer credibilidade ao seu site. Veja como funciona!

Ter um link apontando para seu site é o objetivo de muita gente que trabalha com SEO. Os algoritmos do Google podem rastrear essa ligação, além de mensurar a autoridade de cada um desses domínios. O mais interessante é que pode até haver uma “doação” de autoridade entre o domínio que cita e o que é referenciado. 

É importante saber, no entanto, que nem todo domínio é qualificado para fazer essa linkagem. Trabalhar com uma agência especializada em SEO ajuda a encontrar os melhores domínios para ser referenciado. No entanto, conhecer o assunto faz com que você valorize cada estratégia de marketing utilizada para divulgar seu negócio.

Entenda o que são links dofollow e nofollow.

O que é um link dofollow?

A principal diferença entre um link dofollow e um nofollow está na relação de confiança dos sites relacionados. Quando um site linka outro, isso significa que ele confia ou até admira a página linkada. O Google tem o mesmo entendimento, o que faz com que o site linkado ganhe relevância.

O link dofollow é o site linkado de maneira orgânica, para que o leitor confira os dados na página vizinha e receba informações complementares. Os motores de busca entendem que a página referenciada tem relevância — nem que seja apenas para o site que a linkou.

O link dofollow aumenta as chances do site linkado subir nos resultados de busca. Extensões como o MOZ apontam como um backlink pode afetar positivamente as posições de um domínio.

Muitos sites fazem parcerias para conseguir dofollow. Por exemplo: fazem um conteúdo especial para uma página e, no CTA, colocam o link do próprio site. É uma forma honesta de aparecer em outra página e mostrar autoridade.

O que é um link nofollow?

Como dito, a linkagem é uma relação de confiança e, de certa forma, a página que linka passa parte de sua credibilidade para a referenciada. No entanto, nem sempre a página que linka quer assumir esse laço de confiança.

O nofollow é um link não natural, ou seja, seu código é editado e se insere o termo “nofollow” nele. Assim, os motores de busca entendem que, apesar de linkar o site, isso não significa necessariamente que sua empresa confia nele.

Antes, o Google indicava o nofollow para links patrocinados, de anúncios e afiliados. Porém, o excesso de uso prejudicou o trabalho de seus crawlers (robôs que encontram e indexam as páginas no índice do buscador). 

Para facilitar seu trabalho, a gigante das buscas resolveu fazer adaptações: agora, links pagos devem receber a tag “patrocinado” ou “sponsored”, enquanto “ugc” deve ser usada para conteúdos criados por usuários. 

Há vários motivos para que um site decida adotar o nofollow. Por exemplo: ele pode citar uma pesquisa, mas não necessariamente confiar na sua fonte. Grandes portais podem adotar o nofollow em 100% dos sites que linkam pela falta de tempo em checar todos os conteúdos que chegam.

Novos atributos

Quando o Google adotou novas tags para links nofollow, também resolveu que eles servem como ganho de autoridade, mesmo que em menor porte. Afinal de contas, o site está sendo referenciado, mesmo que a parte que faz o link não queira atrelar sua credibilidade a ele. Portanto, se seu site foi linkado, é motivo de satisfação, independentemente da forma.

Como conseguir links dofollow

Veja algumas dicas para ser linkado e ainda receber credibilidade de outros sites:

  • curadoria: na hora de enviar um conteúdo para outros sites republicarem, escolha um que tenha sentido para aquele post que será publicado;
  • SEO: quem deseja ser encontrado pelo Google precisa se ajudar. Portanto, tenha conteúdos com palavras-chave inseridas de maneira orgânica, textos bem estruturados, URLs amigáveis e layout responsivo;
  • qualidade: você não conseguirá parcerias com outros sites se não investir na qualidade do seu conteúdo. Crie materiais relevantes e com fontes confiáveis;
  • seja a própria fonte: use o gestor da empresa para falar sobre algo relevante ou produza uma pesquisa.